Tecnologia do Blogger.

Guarda Municipal de Jundiaí aperta o cerco contra os baloeiros





A preocupação com  os balões que estão sobrevoando com intensidade a região de Jundiaí nos últimos dias, fez com que a Guarda Municipal está intensificasse o trabalho em conjunto com os setores de inteligência, comunicação e de guardas municipais da Divisão Florestal. Isso tem apresentado resultados significativos na identificação de grupos de baloeiros que estão agindo na região.

Através de um trabalho integrado com a comunidade, principalmente nas regiões onde a incidência de soltura de balões é maior, foi possível identificar grupos de pessoas que praticam esse tipo de crime ambiental em algumas regiões da cidade.
 Essas pessoas se reúnem aos finais de semana em locais apropriados para a preparação e soltura desses artefatos que representam enorme perigo para o meio ambiente e também para o patrimônio e a integridade física das pessoas.

No começo do mês de abril, equipes da Divisão Florestal da GM, coordenados pelo Subinspetor Mauro Castro e guardas do setores de inteligência e comunicação localizaram uma quadrilha de baloeiros no bairro do Corrupira, os quais confirmaram a pratica de soltura de balões.  Foram abordados cinco pessoas pela manhã no bairro conduzindo uma pick-up possivelmente utilizada para a atividade ilícita.  Aos guardas, os jovens disseram que a prática de soltar balões é um vício entre eles e que dificilmente passam um final de semana sem soltar um balão.

Ainda segundo a GM, o grupo de baloeiros alegou que não imaginava que soltar balões era uma prática criminosa e tão perigosa e que não tinham conhecimento do crime ambiental que estavam cometendo.

Como não estavam transportando nenhum tipo de objeto, balões ou artefato utilizado para a fabricação de balões, os jovens foram identificados e orientados sobre o crime previsto no art. 42 da Lei 9.605/98, com pena de detenção de 1 a 3 anos, mais multa, para quem fabricar, transportar, vender ou soltar balões.

Ontem (17) pela manhã, um grupo de cinco de indivíduos vindos da cidade de Campinas foi detido tentando resgatar um balão que havia caído no bairro do Medeiros, atingindo uma área de vegetação nativa ali existente.

Durante a abordagem, foi constatado  através  de imagens do aparelho celular de um deles, que o grupo havia soltado o balão em Campinas no bairro Jardim Santa Mônica e que estavam em Jundiaí para o resgate do objeto, comprovando a ligação entre o grupo.

Levados até o Plantão Policial, eles confirmaram aos guardas que eram integrantes de um grupo de baloeiros de Campinas e que a atividade é um vício do grupo aos finais de semana.

Apesar das buscas efetuadas na área da queda do balão, o artefato não foi localizado pelos guardas.

Eles foram ouvidos pelo Delegado de Plantão e  liberados na sequência.

A Guarda Municipal reforça que está intensificando o patrulhamento dessas áreas mapeadas na cidade. O setor ambiental da Delegacia de Investigações Gerais - DIG - também tem trabalhando nas diligências e investigações de grupo de baloeiros em Jundiaí e região em conjunto com a GM.

Somente neste ano, foram recolhidos pelos guardas da Divisão Florestal, 11 balões, três dos quais três caíram no entorno da Serra do Japi. No mesmo período em 2015, foram recolhidos apenas 5 balões. Nessas apreensões, não houve detenção de nenhum dos baloeiros.

A Guarda Municipal de Jundiaí reforça que está atenta a esse tipo de prática criminosa e solicita o auxilio da população no sentido de avisar sobre avistamentos de balões na área do município e que também denunciem pessoas ligadas a essa prática criminosa, indicando locais de soltura, de fabricação de balões. A informação pode ser anônima, através dos fones 153 da GM, 190 da PM Ambiental, 197 da Policia Civil ou 181 do disque denuncia.


por Luciano Guerino
foto Luciano Guerino








A publicidade dos atos da administração pública é um princípio estabelecido pela constituição federal, porém, a reprodução das informações e imagem transmitidas é de inteira responsabilidade dos veículos de comunicação.




Assessoria de Imprensa - Jornalistas responsáveis

Luciano Guerino - 9.9263-1488 (MTB 59140)
Darlei Antônio - 9.9569-6476 (MTB 72769)

0 comentários:

Postar um comentário